Quais alimentos são bons para a saúde bucal

Manter seus dentes e gengivas saudáveis ​​é importante para mais do que apenas um belo sorriso. Os dentes trituram os alimentos, para que, no decorrer de processos bioquímicos complexos, o corpo possa extrair dele nutrientes importantes. Mas os alimentos que uma pessoa absorve afetam não apenas a condição geral do corpo, mas também a saúde dos dentes e das gengivas em particular. Alguns desses alimentos podem causar cáries, enquanto outros contribuem para a saúde bucal.

TOP 10 alimentos mais úteis para os dentes

Para que os dentes e os tecidos moles da cavidade oral sejam saudáveis, é importante que o corpo receba os nutrientes necessários quantidade de cálcio e fósforo dos alimentos, vitaminas D, C, A, além de outros nutrientes. No entanto, se falamos sobre o efeito dos alimentos na condição dos dentes, não apenas a composição química do produto, mas também sua estrutura são importantes. Diante disso, alguns dos alimentos mais úteis incluem:

Legumes e frutas sólidas

Cenouras, Beterraba, Pepinos, maçãs e outros alimentos vegetais ricos em fibras têm um duplo benefício para os dentes. Em primeiro lugar, esses produtos contêm vitaminas e minerais indispensáveis ​​para manter a saúde bucal. Estamos falando de cálcio, magnésio, potássio, sódio, fósforo, flúor, ferro, cobalto, iodo, prata. Eles também são ricos em betacaroteno, vitaminas B, D, E, C, K, PP. Trabalhando em combinação, esses nutrientes contribuem para a circulação sanguínea adequada nas gengivas, fortalecendo o esmalte.

Em segundo lugar, mastigar alimentos duros com uma estrutura dura proporciona uma massagem suave nas gengivas, limpando a superfície dos dentes da placa bacteriana. Além disso, a mastigação estimula a produção de saliva, que banha a boca, removendo as bactérias.

Vegetais de folhas verdes

Verduras como endro, salsa, aipo, ) a alface é fonte de um complexo de vitaminas e minerais que ajudam a fortalecer não só os dentes, mas também os vasos sanguíneos. Isso é importante para evitar sangramento nas gengivas. Além disso, as folhas verdes com cheiro pronunciado contêm substâncias antibacterianas e seu suco cria um leve efeito clareador.

Bagas

Bagas contêm ácidos orgânicos úteis para humanos , , pectinas, minerais, vitaminas. Mas também o suco de algumas frutas, como cranberries ou uvas, tem propriedades antibacterianas, tornando-o útil na prevenção da cárie dentária. Acredita-se também que os componentes contidos nas bagas bloqueiam o acesso de bactérias patogênicas ao esmalte dos dentes. E o consumo regular de morangos pode até clarear levemente os dentes.

Nozes

As nozes são um tesouro de nutrientes importantes para a saúde geral. Mas também nos produtos deste grupo existem nutrientes que têm um efeito benéfico nos dentes. Assim, os pinhões contêm vanádio, fósforo e cálcio que são importantes para o tecido ósseo . Em os cajus são substâncias com efeitos antibacterianos e tônicos. E amêndoas, além de fortalecer dentes e gengivas, podem ter efeito analgésico.

Laticínios

Até as crianças sabem que para ossos e dentes serem fortes e saudáveis, laticínios devem ser consumidos. Mas, além do fato de os laticínios serem fonte de vitaminas D, A, B, cálcio, magnésio, potássio, também têm um efeito específico no tecido dentário, fortalecendo-o. O iogurte reduz a quantidade de sulfeto de hidrogênio, que é um dos fatores do mau hálito. O mesmo produto promove a mineralização do tecido dentário.

A composição única do queijo cottage o torna um dos alimentos mais benéficos para a formação dos dentes. É importante que as pessoas que se preocupam com a saúde bucal incluam diferentes tipos de queijos em sua dieta. Este produto aumenta a concentração de cálcio no esmalte dos dentes e também aumenta a salivação. Este último é útil porque a saliva contém substâncias que impedem o desenvolvimento de cáries e inflamação das gengivas.

Frutas cítricas

O consumo diário de toranja reduz o risco de doenças inflamatórias da boca e sangramento das gengivas, que é uma das mais comuns causas da perda do dente. Em limas existem substâncias que protegem o esmalte dos dentes das bactérias e previnem a cárie. As laranjas são uma rica fonte de vitamina C, que sustenta a espinha dorsal do colágeno nas gengivas e também é benéfica na prevenção de muitas doenças dentárias. Além disso, as frutas cítricas contêm ácidos orgânicos que clareiam naturalmente o esmalte.

Frutos do mar

Peixes e frutos do mar são reconhecidos por nutricionistas como alimentos quase ideais para humanos. Esses produtos contêm todos os elementos necessários para a formação adequada dos dentes e a manutenção de sua saúde. Uma alta concentração de flúor, cálcio, magnésio e fósforo contribuem para a mineralização do tecido dentário, fortalecendo o esmalte. O iodo, que é rico em frutos do mar, tem um efeito anti-cárie.

Ovos

ovos de galinha contêm 12 vitaminas essenciais, uma grande quantidade de proteínas, carboidratos e gorduras, bem como uma ampla gama de micronutrientes – todos essenciais para a saúde bucal.

Produtos apícolas

As propriedades anti-sépticas do mel são conhecidas pelo homem desde os tempos antigos. A utilização deste produto contribui para a desinfeção da cavidade oral, limpando os dentes das bactérias patogénicas.

Os favos de cera de mascar naturalmente limpam a placa dos dentes, e mastigar própolis é uma excelente prevenção de cáries, doenças periodontais, doenças das gengivas.

Chá

O consumo excessivo de chá preto muito forte pode levar ao escurecimento do esmalte dos dentes. Mas, ao mesmo tempo, esta bebida contém catequinas, que matam as bactérias que causam cáries e mau hálito. Uma xícara de chá após uma refeição é uma boa maneira de limpar a boca das bactérias e prevenir os problemas que elas causam.

Alimentos que são perigosos para os dentes

Quando uma pessoa come alimentos doces ou amiláceos, ela se alimenta não apenas de si mesma, mas também das bactérias que vivem em a cavidade oral e são a causa de cáries, bem como de várias doenças gengivais. E isso significa que na lista de produtos mais perigosos para os dentes estão:

  • pirulitos e balas pegajosas - se você não tiver forças para desistir completamente doces, que seriam os melhores para a decisão dos dentes, então vale a pena escolher doces que permaneçam na cavidade oral por um tempo mínimo;
  • pão e outros alimentos amiláceos - quando mastigados, esses alimentos se transformam em uma substância pegajosa que fica presa nos espaços entre os dentes e cria condições ideais para o crescimento de bactérias;
  • Refrigerantes Açucarados - Muitas bebidas nesta categoria contêm ácido cítrico e ácido fosfórico, que causam afinamento do esmalte dos dentes.

Evite morder alimentos muito duros, como caramelo ou gelo de bebidas para evitar danificar os dentes.

Dicas para manter a saúde bucal

Para manter uma cavidade bucal saudável, é importante não apenas abordar conscientemente a formação de sua dieta, mas também seguir algumas regras:

  1. Escove os dentes após cada refeição, ou pelo menos lave a boca com água limpa.
  2. Visite o dentista regularmente e trate os problemas dentários o mais cedo possível.
  3. Evite o estresse, pois leva ao desequilíbrio hormonal e à diminuição da imunidade, o que, por sua vez, afeta a saúde das gengivas e dos dentes.
  4. Abandone os maus hábitos, como fumar, abuso de álcool.

Seguir essas regras simples ajudará a manter seus dentes saudáveis.